Skip to content →

3 Comments

  1. RIP indeed, lá se vai o servidor mais bonito do mercado (quanto a funcionalidade não me posso pronunciar)

  2. jpcarvalhinho jpcarvalhinho

    As funcionalidades vão-se manter, mais ou menos, já que em termos de software vai ser possível instalar no mac mini, no pro e nos restantes, directamente ou via máquina virtual.

    Tudo o que é hardware incluído neste brinquedo já é replicado por todos os fabricantes, mais ou menos.

    Calhava bem era a Apple estabelecer uma guideline mínima para instalação do seu sistema operativo “empresarial” em máquinas virtuais universais… tipo linha branca. Aqui não há o risco de perder o controlo das unidades vendidas, já que os servidores presentes em Datacenters são fortemente escrutinados.

  3. Concordo contigo nesse ponto de vista… o OS X server poderia ser uma grande arma da Apple se o deixasse poder instalar em qualquer máquina (além dos Macs) que tivesse os requisitos para funcionar… era encaixe de rios de dinheiro. Vá lá… seriam uns riachos ainda… mas valeria bem a pena.

    E no futuro o OS X, server e client, deveria conter software de virtualização no Boot Camp, e se poder usar em pleno OS X. Nos servidores dá para imaginar o potencial apaziguador… Ubuntu Server… Windows Server… ui!
    Licenças a 500€ para 10 users e 1000€ users ilimitados… ui… num qualquer servidor e em clusters… ui…
    Galinha dos ovos de ouro da Apple no mundo profissional. pronto… vá lá… ovos de prata…

Leave a Reply