Invoy – Software Português para facturação!  Em BETA!!!

  • Nome:

    Invoy

  • Configuração base:

    Recebi ontem um e-mail de uma empresa portuguesa de desenvolvimento de software para Mac. A EmptyFactory que me pedia para experimentar um software de sua autoria, destinado a produzir e emitir facturas comerciais.

    Instalação

    Pensei… ora aqui está uma coisa engraçada… por esta é que eu não esperava… Provavelmente Web based ou Java vai-me obrigar a instalar uma série de componentes que me vão encharcar o disco de novos serviços que eu não pretendo activos (Apache, Mysql, etc)… ainda por cima porque chegou num ficheiro zip… vai ser messy!

    Vou ao site e… muito giro… gostei muito… desde a primeira página respira-se Mac… Página simples, bonita, com atenção aos pequenos pormenores que fazem esta plataforma a minha preferida… Boa onda. navego um pouco e vejo os screenshots… parece-me bem.

    Depois de confirmada a autenticidade da coisa decidi avançar. Abri o ficheiro zip e um icone giríssimo de um caixote tridimensional apareceu… Kudos para os meninos desta casa, que não é um ícone qualquer… é um ícone escalável dentro das novas definições para o coverflow!

    (Não sei se planeiam incluir isto num DMG com instalador “normal”… eu acredito que sim pois tinham bastante a ganhar em termos de sentido de profissionalismo, e lá está… feeling right at home nesta nossa plataforma)

    Extraí o icone, e como sempre… ficou “instalado”

    Primeira utilização

    Com a primeira utilização somos convidados a configurar o programa, indicando as características da empresa, a moeda de troca, as taxas de imposto a aplicar, e um cabeçalho e um rodapé que queremos ver incluídos em cada factura.

    As taxas de imposto permitem criar as várias classes de imposto e indicar qual(ais) as activas por omissão. Isto é vantajoso pois na altura que estamos a criar os produtos (mais à frente) estas taxas são utilizadas para “calcular” os valores de venda, ou seja o PVP.

    A última configuração é a dos textos que pretendemos usar como cabeçalho e rodapé dos vários documentos disponíveis.

    Interface

    Mais uma vez a EmptyFactory apostou na já tradicional janela com duas partes bem conhecida das aplicações “macquianas”. Muito organizado, e legível, com uma área para introdução de clientes, e outra para visualização dos documentos a produzir.

    Aqui foi seleccionada a vertente clicar para editar/acrescentar abrindo uma nova janela, ou seja um tipicamente chamado “inspector” para introdução de dados.

    Quer seja nos clientes, quer seja nos produtos, somos brindados com uma janela com todos os efeitos que o quartz permite smile boa onda!

    Depois de criado um cliente…

    … e alguns produtos…

    … Partimos à aventura para a criação de documentos.

    Criação de Documentos

    As opções de documentos são muitas… temos facturas, recibos notas de crédito, permitindo o drag’n’drop dos menus do lado esquerdo (cliente e produtos que são imediatamente assumidos na factura. Existe ainda a possibilidade de depois de criado um documento, gerarem-se documentos associados… por exemplo o circuito normal será a emissão da factura, e depois possíveis notas de crédito ou débito por acertos, e finalmente o recibo final… Todos estes documentos ficam “relacionados” entre si sendo de geração espontânea… e perfeitamente identificados com um código de cores no topo direito do ecrã de visualização.

    Existe ainda a figura habitual do “inspector” que permite ter acesso directo ao conteúdo da factura de uma forma pormenorizada, para efectuar alterações ligeiras no conteúdo, condições especiais, etc, que não são guardadas nos masters da base de dados, figurando apenas nos documentos em questão.

    Claro que o trivial obrigatório está lá (não edição de documentos, impossibilidade de apagar – existe a figura do cancelar), númeração automática e sequencial… espaço para textos obrigatórios, fixação da moeda nacional ad eternum, mas possibilidade de emissão de facturas em moeda estrangeira, etc etc.

    As possibilidade de Emissão do documento também são variadas, desde o envio por e-mail (lança o mail.app ou é feito internamente- exige configuração), impressão, ou geração de PDF, sendo que são sempre criadas as três vias da praxe de cada documento.

    Para já numa fase beta, identifiquei já uma pequena série de bugs, mas nenhum deles que mande o projecto por agua abaixo tipo castelo de cartas, muito pelo contrário, pela troca de e-mails que tive com uma das pessoas da empresa, notou-se bem a vontade e o gosto pela programação de “cool software for Macintosh”.

    A eles e a toda a comunidade Portuguesa de desenvolvimento de software para Macs… o meu sincero pedido de desculpas por ter duvidado de vós!!! smile e um muito obrigado por me convidarem a participar neste teste…espero ter contribuído positivamente para o vosso desenvolvimento.

  • Apresentado em:

    Beta

  • Retirado em:
  • Aspectos Positivos:

    – COCOA Based com a possiblidade de integrar (arrasto) contactos da Agenda do Mac OSX

    – Boa organização visual da informação

    – Muitas opções de configuração, bem detalhadas.

    – Muito fácil e intuitivo

    – Preparado para emissão de cada documento em várias linguagens.

  • Aspectos Negativos:

    Não são bem aspectos negativos já que a versão definitiva ainda não saíu para o mercado… será sim pormenores a ter em atenção pela EmptyFactory.

    – Apenas os documentos são multilingues… falta a interface

    – Nunca fui muito fã dos “inspectors” e pop-ups… mas isso dava um livro

    – Algumas limitações nas pesquisas

    – Vontade de ver algumas funcionalidades “AJAX like” implementadas (auto-sensing do preenchimento dos formulários por exemplo) para clientes repetidos

    – Funcionalidades de Exportação em XML para integração em outras aplicações.

  • Modelo comparativo:

    Apesar de existirem alguns ERPs bem mais completos em que esta aplicação apenas cobre uma função, nunca tive contacto directo com nenhuma que fosse “COCOA Powered”, como por exemplo o GESTIX também português, ou lá por fora o XSIlva mas este já é um peso pesado!

Links úteis:
Fotos:

3 thoughts on “Invoy – Software Português para facturação!  Em BETA!!!

  1. software 5 estrelas, alguém conhece alternativas para mac que suporte o saft pt v1.01 ? o engraçado é que era software nacional e funcionava muito bem …

Leave a Reply